Espiritualidad Martirial: una experiencia de fe latinoamericana

Autores/as

  • Daniel Carvalho da Silva Pontifícia Universidade Católica de Goiás / Capes

DOI:

https://doi.org/10.21500/01201468.5347

Palabras clave:

Espiritualidad, Martirio, Espíritu de Jesús, Persecución, Memoria

Resumen

Este artículo plantea una reflexión teórico-narrativa sobre lo que se ha denominado «Espiritualidad martirial». La conceptualización de la espiritualidad y el martirio se realizó a través de una investigación exploratorio-bibliográfica. La discusión central se tejió en diálogo, sobre todo, con los estudios teológicos de Casaldáliga, Sobrino y Gutiérrez. Las conclusiones apuntan en el sentido de que la espiritualidad del martirio no está relacionada con el deseo de ser mártir. El martirio tampoco está relacionado con la concepción del sacrificio sangriento como redentor del pecado. La espiritualidad del martirio se refiere a la fidelidad al Evangelio del perseguido y mártir, Jesús de Nazaret. Asimismo, se trata de la fidelidad a la realidad histórica actual y concreta en la que el cristiano debe anunciar la buena nueva a los pobres y denunciar la injusticia estructural. Finalmente, se trata del recuerdo de la muerte de los inocentes y de la línea de seguidores de Jesús que fueron martirizados.

Biografía del autor/a

Daniel Carvalho da Silva, Pontifícia Universidade Católica de Goiás / Capes

Daniel Carvalho da Silva é leigo, da diocese de Goiás (GO), licenciado em Filosofia (IFITEG) e Libras (UFG), especialista em Libras e educação inclusiva (EFICAZ) e também em Língua Brasileira de Sinais (IFMT). Atualmente é mestrando em Ciências da Religião (PUC Goiás / CAPES) e pós-graduando em Liturgia Cristã (FAJE / Rede Celebra).

Citas

Aldazábal, José. Vocabulário básico de liturgia. São Paulo: Paulinas, 2013.

Aquino-Junior, Francisco. Viver segundo o espírito de Jesus Cristo: espiritualidade como seguimento. São Paulo: Paulinas, 2014.

Barros, Marcelo. “Pedro Casaldáliga: o mártir que não conseguiram matar”. Vida pastoral 337, (2021): 31-37. Consultado em Janeiro 14, 2021. https://www.vidapastoral.com.br/edicao/pedro-casaldaliga-o-martir-que-nao-conseguiram-matar/

Barros, Marcelo. “Pedro, místico”. Em Pedro Casaldáliga: as causas que imprimem sentido à sua vida – retrato de uma personalidade, editado por Benjamin Forcano, 347-358. São Paulo: Ave Maria, 2008.

Bernardo, T. “Memória como resistência: o migrante”. Revista Travessia Vol. 32 (1998): 40-47.

Bíblia do Peregrino. Comentários de Luís Alonso Schokel. São Paulo: Paulus, 2002.

Bingemer, Maria Clara. “Teologia e espiritualidade. Uma leitura teológico-espiritual a partir da realidade do movimento ecológico e feminista”. Cadernos de Teologia Pública. n. 2. (2004): 1-30. Consultado em Janeiro 04, 2021. http://www.ihu.unisinos.br/images/stories/cadernos/teopublica/002cadernosteologiapublica.pdf

Boff, Clodovis Maria. “Espiritualidade do militante (com enfoque pneumatológico)”. Em Fé e política: fundamentos. Editado por Pedro Ribeiro de Oliveira, 191-214. Aparecida, SP: Idéias & Letras, 2004.

Bombonatto, Ivanise. Seguimento de Jesus na cristologia de Jon Sobrino. Dissertação (Mestrado em Teologia Sistemática). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, (2012).

Bonhoeffer, Dietrich. Resistencia y sumision: cartas y apuntes desde el cautiverio. Barcelona: Ariel, 1969.

Butler, Rex. The New Prophecy and "New Visions": Evidence of Montanism in the "Passion of Perpetua and Felicitas". Washington (EUA): Catholic University of America Press, 2006.

Casaldáliga, Pedro. “Hino da caminhada dos Mártires”. Em Caminhada dos Mártires. Editado por Cireneu Kuhn. Intérprete: Luiz Augusto Passos. São Paulo: Verbo Filmes, (1997). 1 CD, faixa 1.

Casaldáliga, Pedro. Martírio do Pe. João Bosco Penido Burnier. São Paulo: Loyola, 2006.

Casaldáliga, Pedro; Vigil, José Maria. Espiritualidade da libertação. São Paulo: Vozes, 1993.

Catecismo da Igreja Católica. São Paulo: Loyola, 1999.

Catré, Maria Nazarete Costa Catré; Ferreira, Joaquim Armando; Pessoa, Tereza; Catré, Acácio; Catré, Maria Costa. “Espiritualidade: contributos para uma clarificação dos conceitos”. Análise Psicológica, n. 1, v. 34, (2016): 31-46. Consultada em janeiro 10, 2021. http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0870-82312016000100003

Cavalcanti, Tereza. Espiritualidade Bíblica. São Leopoldo: CEBI, 1996.

Cipriano de Cartago. Cartas. Madrid: Gredos, 1998.

Corbí, Marià. Para uma espiritualidade leiga: sem crenças, sem religiões, sem deuses. São Paulo: Paulus, 2010.

Corbí, Marià. Silencio desde la mente: prácticas de meditación. Barcelona: Bubok, 2011.

Costa, Alberto Sampaio. “Teologia e espiritualidade: em busca de uma colaboração recíproca”. Perspectiva Teológica, v. 38, (2006): 323-348. Consultado em janeiro 02, 2021. http://faje.edu.br/periodicos/index.php/perspectiva/article/view/21/50

Dussel, Enrique. “Palavras preliminares”. Em O martírio na América Latina. Editado por Ferrari, 7-10. São Paulo: Loyola, 1984.

Ellacuría, Ignácio. “El pueblo crucificado: ensayo de soteriología histórica”. Revista Latinoamerica de Teología 18, (1989): 305-333.

Espinal, Luis. Oraciones a quemarropa. Barcelona: Rondas, 2020. Consultado em janeiro 20, 2021. https://www.cristianismeijusticia.net/sites/default/files/pdf/eies92.pdf

Eusébio de Cesaréia. História eclesiástica. Vol. 1. Itabaina/SE: Clube de autores, 2016.

Fernández, Victor. Manuel. Teologia espiritual encarnada: profundidade espiritual em ação. São Paulo: Paulus, 2007.

Gonçalves, Alonso. “Uma espiritualidade sem Igreja: a emancipação institucional e o surgimento de novas experiências religiosas". Protestantismo em Revista. Vol. 32 (2013): 122-135. Consultada em janeiro 02, 2021. http://periodicos.est.edu.br/index.php/nepp/article/view/1088/1068

Gutierrez, Gustavo. Beber em seu próprio poço: Itinerário Espiritual de um Povo. São Paulo: Loyola, 2000.

Hartog, Paul. “The Christology of the martyrdom of Polycarp: Martyrdom as both imitation of Christ and election by Christ”. Perichoresis. n.2, Vol. 12 (2014): 137-151. Consultada em janeiro 06, 2021. https://content.sciendo.com/view/journals/perc/12/2/article-p137.xml?language=en

Inácio de Antioquia. Carta aos Romanos. Petropólis: Vozes, 1970.

Löwy, Michel. A guerra dos deuses: Religião e política na América Latina. Petrópolis: Vozes, 2000.

Missal Romano. Promulgado por Paulo VI. São Paulo: Vozes/Paulinas, 1992.

Mo Sung, Jung. “Cristianismo de libertação: fracasso de uma utopia?”. Estudos Teológicos, n. 1, ano 48 (2008): 39-63. Consultada em janeiro 08, 2021. http://www3.est.edu.br/publicacoes/estudos_teologicos/vol4801_2008/et2008-1c_jsung.pdf

Moltmann, Jürgen. O Deus crucificado: a cruz de Cristo como base e crítica da teologia cristã. Santo André: Academia Cristã, 2011.

MOREIRA, Alberto. “Religiosidade laica: uma introdução ao pensamento de Marià Corbí”. Horizonte – Revista de Estudos de Teologia e Ciências da Religião, n. 19, v. 8, (2011): 21-40. Consultada em janeiro 03, 2021: http://periodicos.pucminas.br/index.php/horizonte/article/view/P.2175- 5841.2010v8n19p21.

Neunheuser, Burkhard. Espiritualidade litúrgica. In. SARTORE, D.; TRIACCA, A. M. Em Dicionário de Liturgia. Editado por Domenico Sartore e A. Triacca, 370-388. São Paulo: Paulinas, 1992.

OLIVEIRA, Davison. Schaeffer. “O conceito de espiritualidade a partir de uma abordagem filosófica da subjetividade”. Revista Brasileira de Filosofia da Religião, n. 1, v. 3 (2016): 112-133. Acessada em janeiro 04, 2021. https://periodicos.unb.br/index.php/rbfr/article/view/14252/12571

Padres apostólicos. Martírio de São Policarpo, bispo de Esmirna. São Paulo: Paulus, 1997.

Paulo VI. Proclamazione di santa teresa d’avila dottore della chiesa: Omelia del santo padre. (1970). Consultado em janeiro 05, 2021. http://www.vatican.va/content/paul-vi/it/homilies/1970/documents/hf_p-vi_hom_19700927.html

Ritual de bênçãos. Em Presbiteral. Editado por Alberto Beckauser, 617-772. Petrópolis: Vozes, 2008.

Romero, Oscar. Arnufo. La dimensión política de la fe desde la opción por los pobres. Una experiencia eclesial en El Salvador, Centroamérica [Discurso em Lovaina]. (1980). Consultado em janeiro 20, 2021. http://servicioskoinonia.org/relat/135.htm

Schepelern, Willen. Der Montanismus und die phrygischen Kulte: Eine religionschichtlich untersuchung. Tubinga (Alemanha): Mohr Siebeck, 1929.

Sobrino, Jon. “A causa dos mártires”. Em Pedro Casaldáliga: as causas que imprimem sentido à sua vida – retrato de uma personalidade. Editado por Benjamin Forcano, 129-150. São Paulo: Ave Maria, 2008.

Sobrino, Jon. “De una teología sólo de la liberación a una teología del martirio”. Revista Latinoamericana de Teología (UCA) n. 28, Vol. 10 (1993): 27-48. Consultado janeiro 04, 2021. http://www.redicces.org.sv/jspui/bitstream/10972/1201/1/RLT-1993-028-B.pdf

Sobrino, Jon. Espiritualidade da Libertação: estrutura e conteúdos. São Paulo: Loyola, 1992.

Sobrino, Jon. Jesus, o libertador: a história de Jesus de Nazaré. Petrópolis: Vozes, 1996.

Sobrino, Jon. O princípio misericórdia: descer da cruz os povos crucificados. Petrópolis: Vozes, 1994.

Sobrino, Jon. Os seis jesuítas mártires de El Salvador. São Paulo: Loyola, 1990.

Sobrino, Jon. Oscar Romero: profeta e mártir da libertação. São Paulo: Loyola, 1988.

Sobrino, Jon. “Prefácio”. Em Viver segundo o espírito de Jesus Cristo: espiritualidade como seguimento. Editado por Francisco de Aquino Júnior, 7-10. São Paulo: Paulinas, 2014.

Sobrino, Jon. Terremoto, terrorismo, barbárie y utopia: El Salvador, Nueva York, Afganistán. San Salvador: UCA, 2005.

Tabbernee, Willian. “Early Montanism and voluntary martyrdom”. Colloquium. Vol. 17 (1985): 33-44. Consultado em janeiro 19, 2021. https://www.academia.edu/27317663/Early_Montanism_and_Voluntary_Martyrdom.

Taborda, Francisco. Sacramentos, práxis e festa: para uma teologia latino-americana dos sacramentos. São Paulo: Paulus, 2019.

Tavares, Ana Helena. Um bispo contra todas as cercas: a vida e as causas de Pedro Casaldáliga. Rio de Janeiro: Gramma, 2019.

TAVARES, Josimo Morais. Testamento espiritual de padre Josimo. (folha avulsa). (1986). Consultada em janeiro 25, 2021. http://cajui.uft.edu.br/proide-pn/acervo-da-mitra/242-acervo-da-mitra-diocesana-227.html

Teresa d’Ávila. “Versos nascidos do fogo do amor de Deus que tinha em Si”. In: REACHERS, S. Em Breve antologia da poesia cristã universal. Editado por S. Reachers. São Gonçalo – RJ, 2012. Disponível em: https://www.passeidireto.com/arquivo/79027069/poesia-crista-universal-breve-antologia

Turner, Victor. Dramas, campos e metáforas: ação simbólica na sociedade humana. Niterói: EdUFF, 2008.

Publicado

2022-01-27

Cómo citar

Carvalho da Silva, Daniel. 2022. «Espiritualidad Martirial: Una Experiencia De Fe Latinoamericana». Franciscanum 64 (177). https://doi.org/10.21500/01201468.5347.